Comida vegana em restaurante japonês | Nanda Cury : Nanda Cury

Comida vegana em restaurante japonês

Nanda Cury

Criou o Blog das Cabeludas, Crespas e Cacheadas (2008) e é uma das idealizadoras da Marcha do Orgulho Crespo (2015). Ambas iniciativas tem objetivo de empoderar mulheres a aceitarem seu cabelo natural. É bacharel em Relações Internacionais, Vegana e especialista em Marketing Digital.

Tuesday March 1st, 2016

Amo comida japonesa e, mesmo depois de ter me tornado vegana, continuo desfrutando do sabor da culinária oriental, sem precisar consumir peixe ou qualquer alimento de origem animal.

Sunomono: pepino com gerlegim

Sunomono (pepino com gergelim) é uma ótima opção de entrada vegana

Tofu, shimeji, shitake, edamame, guioza, teppan de legumes e até temaki são algumas das opções que costumo pedir quando vou a restaurantes japoneses.

Shimeji: troque a manteiga pelo azeite.

Shimeji: pergunte se é possível trocar a manteiga por azeite.

Separei alguns posts do meu Instagram em que compartilhei dicas de restaurantes e o que pedi em cada um deles. Se tiverem dicas de restaurantes ou outros pratos japoneses veganos, por favor, compartilhem nos comentários desse post 🙂

Como pedir comida vegana num rodízio japonês

A maioria das pessoas não tem a mínima ideia do que uma pessoa vegana come, por isso a regra de ouro para comer tranquila em qualquer restaurante é explicar de forma objetiva quais ingredientes você não come.

Pergunte se o restaurante tem opções vegetarianas e informe sobre a sua restrição com ovos (alguns pratos empanados são feitos com ovos e há também vegetarianos que comem ovo)

Rodízio vegano ❤️ #vegan #japanese

Uma foto publicada por Nanda Cury (@nandacuryx) em

Tofu é um ingrediente super versátil e nutritivo e a certeza que você não vai passar fome num restaurante japonês. Amo a versão clássica, com cebolinha e a possibilidade de usá-lo como substituto para outros ingredientes:

#Tofu com cebolinha

Uma foto publicada por Nanda Cury (@nandacuryx) em

Tofu com cebolinha no Temaki é novidade e surgiu depois que essa rede popular de comida japonesa percebeu que havia demanda por opções vegetarianas/veganas. Achei muito legal a iniciativa, é uma maneira de valorizar as sugestões das pessoas que frequentam o local, além disso, por ser uma rede popular, ela está presente em vários lugares.

@yoitemaki, obrigada por ouvir meus apelos e criar um menu #vegan 😍 #temaki #tofu

Uma foto publicada por Nanda Cury (@nandacuryx) em

Salada califórnia com tofu foi invenção minha 😀

Salada de tofu califórnia, invenção minha 🙂 #vegan

Uma foto publicada por Nanda Cury (@nandacuryx) em

Temaki califórnia: tofu no lugar no kani

Inventei esse temaki e agora peço em todo lugar: califórnia sem kani, com tofu ❤️ #vegan

Uma foto publicada por Nanda Cury (@nandacuryx) em

Dizem os garçons que não é muito comum ver pessoas vegetarianas nos restaurantes japoneses. Muita gente provavelmente acredita que tem poucas opções no cardápio, mas com paciência e boa vontade você pode conscientizar o restaurante que existe demanda de pratos veganos e ainda que seu prato não entre no cardápio, da próxima vez que uma pessoa vegana passar por lá, pode ser que indiquem um prato que você inventou 😉

Temaki california sem kani #japanese #food

Uma foto publicada por Nanda Cury (@nandacuryx) em

Com um pouco de paciência (e de boa vontade de quem está atendendo) é possível comer bem e até fazer amizade com a pessoa que comanda a cozinha do restaurante.  Assim todo mundo sai ganhando.

Vida #vegan

Uma foto publicada por Nanda Cury (@nandacuryx) em

Pinterest

Top